Com estoque crítico, Hemoap faz campanha para doações de sangue durante férias no AP

Com estoque crítico, Hemoap faz campanha para doações de sangue durante férias no AP
Os tipos sanguíneos A, B e O negativos são o foco da ação. Com estoque crítico, Hemoap faz campanha para arrecadar doações durante as férias

Divulgação/Hemoap

O Centro de Hematologia e Hemoterapia do Amapá (Hemoap) deu início, na terça-feira (15), a campanha “Hemoap não tira férias”. O foco da ação é tirar do vermelho o estoque dos tipos sanguíneos A, B e O negativos na instituição, mas aceita a doação de qualquer tipagem sanguínea.

As doações no Hemoap acontecem das 7h30 ao 12h, na Rua Jovino Dinoá com a Avenida Raimundo Álvares da Costa, no bairro Central de Macapá.

A chefe do Serviço de Captação e Orientação Social do Hemoap, Marcela Vales, explicou que essa é uma ação anual realizada pelo instituto, nos meses de janeiro e julho, período das férias escolares em que caem o número de arrecadações no banco de sangue.

“Temos que alertar a população de que, apesar de janeiro ser um mês em que as pessoas costumam viajar, o Hemoap funciona normalmente e a solidariedade não pode tirar férias”, alertou.

Juntamente com a campanha de férias, o Hemoap faz uma chamada no dia 24 de janeiro intitulada “Doa Mulher”, para motivar doadoras, que são números consideravelmente menores em relação aos homens, além de esclarecer alguns mitos.

“Ao contrário do que muitas pessoas pensam, mulheres no período da menstruação, ou lactantes há mais de 12 meses podem sim fazer a doação de sangue”, esclareceu Marcela Vales.

Uma única bolsa de sangue, de 450ml, pode ajudar a salvar até quatro vidas, pois passa por um processo de fracionamento onde se extrai quatro componentes do sangue: concentrado de hemácias, concentrado de plasma, plaquetas e crioprecipitado.

Uma única bolsa, de sangue de 450ml, pode ajudar a salvar até quatro vidas

Reprodução

Como ser um doador

Doar sangue é um ato voluntário e a pessoa tem de atender à alguns critério básicos. Ela precisa estar saudável, pesar mais de 50 kg, ter entre 16 e 69 anos – menores de 18 anos somente com autorização dos responsáveis, maiores de 60 anos, devem doar apenas se já forem doadores assíduos.

As mulheres lactantes, só podem doar sangue depois de ter passado um período de 12 meses de amamentação. Passado esse período e o bebê ainda esteja amamentando elas já podem realizar a doação.

Para todos os casos, o doador precisa estar descansado e alimentado. Antes de doar, a pessoa passa pela triagem clínica, onde é feito um questionário sobre a saúde e a vida de cada um, para tentar identificar os fatores que possam torná-la inapta para a doação, temporariamente ou não.

Tem alguma notícia para compartilhar? Envie para o Tô Na Rede!

Fonte: G1

Veja também


ler notícia
Em meio a protestos, Câmara de São Paulo aprova reforma da Previdência

ler notícia
Aluna de Harvard disputada por empresas renomadas revela sua "fórmula de sucesso" nas entrevistas


ler notícia
Família fica ferida em acidente na MG-347, entre Pedralva e Cristina

ler notícia
Jorge Paulo Lemann critica startups com foco em "história bonita"

ler notícia
ESDI

Onde estou?

Sua localização dentro do site.

  1. Home AtualizaSAT.tk
  2. Noticias Noticias
  3. Not&iacutecia Notícia